Aerojota
aerojotaclassificados Aerojota
(11) 94733-7020 Aerojota
(11) 3771-5737 Aerojota

O dia que o Copas 2 apagou. Avião T-27 Tucano da Academia da Força Aérea / Piloto Helicóptero Ruy Flemming

Avião T-27 Tucano da Academia da Força Aérea Brasileira - AFA -

O dia em que o Copas 2 apagou.

Decolamos com dois aviões e subimos para a área de instrução.

Pra esquentar a mão do ala, mandei umas pernas de oito preguiçoso suaves que vão ficando apertadas até atingir o “oito perigoso”, como a gente costumava falar. No topo da manobra passávamos dos 90° de inclinação.

Era a hora de iniciar a série acrobática que, basicamente, consistia em loopings e tunôs.

E o cadete mandando muito bem.

O avião era o Tucano. Nem precisa falar dessa máquina deliciosa de voar. Em 1987 eu ministrava instrução aérea na AFA.

Hora da dispersão para a cobrinha.

Os dois aviões nivelados.

Os movimentos rápidos do profundor é a minha dica para o cadete que vamos separar a formação e ele vai seguir minha trajetória. Vai ficar atrás do meu avião repetindo tudo o que faço.

Três segundos depois que eu inclino as asas e saio com 100% de potência é a vez dele inclinar as asas do próprio avião e me seguir.

Agora temos ainda mais liberdade pra apertar as acrobacias.

Giro minha cabeça pra trás ou bato os olhos nos espelhos retrovisores pra me certificar da posição dele.

Tudo certo até que faço uma immelman. É um looping que não se completa. No topo do que seria o looping, comando as asas pro avião voltar ao voo normal e fiz curvas apertadas com baixa velocidade.

Olhei pra trás procurando o meu ala.

O que eu vi foi um Tucano fazendo looping logo abaixo.

Caramba! Como foi que eu não vi que tinha gente treinando acrobacia aqui do meu lado?!?

No instante seguinte percebi que aquele Tucano era o meu ala.

Chamei pelo rádio, sem resposta.

- Copas cheque-rádio.

Ele completa o primeiro looping e nada de responder aos meus chamados pelo rádio enquanto eu observava tudo lá de cima.

Emenda um segundo looping e finalmente responde com a voz está ofegante:

- Copas 2.

- O que aconteceu?

- Apaguei.

- Puxou quantos G?

- Seis.

- Vc tá bem? Então reúne que a gente vai voltar.

No debriefing ele explicou o que aconteceu.

Pra que o ala siga o líder na puxada de um looping, ele deve manter o avião do líder num determinado ponto do pára-brisa do seu avião.

Em vez de fazer isso, o cadete acompanhou com a cabeça o meu avião subindo no pára-brisa dele, enquanto o próprio avião dele continuava a descer. Quando percebeu que havia se separado demais, teve que puxar muito G pra me acompanhar. Puxou 6 por alguns segundos.

Nessa situação a irrigação de sangue não chegou à sua retina. Quem passa por essa situação vai perceber que o campo de visão vai escurecendo de fora pra dentro até que fique tudo preto. Olhos abertos sem enxergar nada.

Quando ele aliviou a puxada no topo do primeiro looping, voltou a enxergar e o que viu foi a imagem do chão se aproximando.

Mais uma boa quantidade de G, talvez outros seis G, e mais uma perda de visão.

Só que dessa vez ele imaginou que se não aliviasse a mão, pra recuperar a visão e agir adequadamente, iria ficar nessa situação de fazer loopings perdendo altura até ficar perigoso demais.

O cadete teve que repetir o voo com um instrutor a bordo pra recuperar sua confiança.

No final do ano se formou.

Quem voa cambalhota corre o risco de, vez ou outra, olhar pra fora e não ver nada.

É a força G.

Abraço

Flemming

 

Coletivo prá cima. Cíclico a frente.

Piloto de Helicóptero Ruy Flemming, Coronel Aviador da Reserva da Força Aérea Brasileira.

Formou-se na Academia da Força Aérea Brasileira - AFA
Piloto do 1º Esquadrão de Instrução Aérea da AFA - 1º EIA, das Aeronaves T-25 e T-27 Tucano, formando centenas de Pilotos Militares na Academia
Piloto de Helicóptero Bell UH-1H do 2º/10º Gav - Busca e Salvamento - SAR -
Piloto da Esquadrilha da Fumaça entre os anos de 1992 e 1995 como #3 Ala Esquerda e #7 Isolado
Piloto de Helicótpero Agusta 109
Ex-Diretor da ABRAPHE - Associação de Brasileira de Pilotos de Helicópteros -
Autorizou transcrever seus artigos, causos, dicas e curiosidades aeronáutica de asa fixa ou rotativa. Para acompanhar o Aviador Ruy Flemming nas redes sociais, acesse o link a seguir RUY FLEMMING NO AR

 

GOSTOU? ENTÃO NÃO DEIXE DE ACOMPANHAR TODOS OS DIAS NESTA COLUNA MAIS UMA GRANDE HISTÓRIA!

Para ler mais causos, curiosidade e dicas de aviação, siga RUY FLEMMING no site AEROJOTA.

Curta nossa página no Facebook AeroJota Classificados  nosso site AEROJOTA, ou Instagram @aerojota onde você encontra classificados de produtos, serviços aeronáuticos, filmes, fotos de aviões, dicas  e tudo que seja de interesse ao público aeronáutico. Aqui você também pode divulgar qualquer coisa voltada à comunidade aeronáutica. É fácil e grátis.

Compartilhe:

 

 

Compartilhe:
Mais Notícias
  1. Copyright ® 2016 AeroJota - Todos os direitos reservados
  2. |
  3. Produtiva WD